/Condutivímetro Digital Portátil: Encontre aqui
Condutivímetro Digital Portátil: Encontre aqui2018-07-11T16:16:53+00:00

Um condutivímetro digital portátil mede a capacidade de uma solução aquosa de transportar uma corrente elétrica. Sabemos que a água destilada é um mau condutor elétrico e que as substâncias (ou sais) dissolvidas na água determinam quão condutiva será a solução. À medida que o número de íons dissolvidos aumenta, também aumenta a capacidade da solução de conduzir uma carga elétrica. Essa carga elétrica é o que permite que um condutivímetro digital portátil meça a condutância de uma solução.

O condutivímetro digital portátil reporta a condutância como o inverso de uma medição de resistividade. A resistividade é medida em ohms/cm, então a condutividade é medida em mhos/cm. Para melhor entendimento, 1 mho, uma antiga unidade de condutância elétrica é o recíproco de 1 ohm e é definido como o Seimens (S).

1 – Design do Condutivímetro Digital Portátil

Um condutivímetro digital portátil consiste em um aparelho portátil com uma sonda que mede a condutividade. Uma pequena corrente elétrica flui entre dois eletrodos separados por uma certa distância, geralmente em torno de 1 cm. Se houver uma alta concentração de íons na solução, a condutância é alta, resultando em uma corrente ráPIDa. Por outro lado, a corrente elétrica é mais lenta e dá uma leitura menor quando há menor concentração de íons.

Muitos fabricantes produzem diferentes sondas capazes de medir a condutância de uma solução e medir a condutância exata de uma solução com uma sonda amperométrica pode ser uma tarefa difícil. Assim o condutivímetro digital portátil deve ser calibrado a fim de fornecer resultados mais precisos.

Condutivímetro Digital Portátil Medidor Data Logger GMH 5450    prova de   gua para Condutividade Temperatura com sa  da anal  gica C  lula n  o inclusa

Figura 1 – condutivímetro Digital Portátil

Um dos projetos mais comuns para um condutivímetro digital portátil é o sistema de sonda de 4 anéis. Este é um sistema potenciométrico que fornece uma corrente alternada entre os quatro anéis. A sonda é colocada em uma solução e a corrente que flui do anel 1 para o anel 4 produz uma tensão entre os anéis 2 e 3. A quantidade de corrente está diretamente relacionada à concentração iônica da solução, o que significa que a tensão também depende da concentração de íons dissolvidos na solução. Um voltímetro na sonda registra essa tensão e envia o resultado para o condutivímetro digital portátil, onde é traduzido para a condutância do líquido.

Um condutivímetro digital portátil tem a capacidade de medir a quantidade de sólidos totalmente dissolvidos (TDS) em uma solução, em unidades de partes por milhão (ppm) ou miligramas por litro. A correlação padrão entre a medição de TDS de uma solução e a medição de condutividade é: TDS (ppm) x 2 = Condutividade (µS).

Observe que um condutivímetro digital portátil só infere o número real de íons em uma solução medindo a carga elétrica de uma solução. Assim, um medidor de condutividade não é uma medida direta do número real de íons contidos na amostra.

2 – Exemplos de Uso do Condutivímetro Digital Portátil

O condutivímetro digital portátil é usado ​​intensamente na agricultura para medir os níveis de salinidade das águas superficiais e das amostras de solo. Na Figura 1, é mostrado um condutivímetro digital portátil utilizado por um funcionário para medir a qualidade da água em uma instalação de tratamento de águas residuais. Além da condutividade, esse medidor específico pode ser usado para medir o pH e o oxigênio dissolvido.

Um condutivímetro digital portátil pode medir a condutância de até 100 amostras de material vegetal e analisar as medições com o equipamento de processamento de dados disponível. Danos a membranas celulares de plantas é uma resposta comum a um estresse sendo que esse dano leva ao vazamento de eletrólitos das células dos tecidos estressados. Medindo este vazamento com um medidor digital portátil, um operador pode indicar com segurança a severidade do estresse em uma planta.

2.1 – Vantagens do Condutivímetro Digital Portátil

  • Está disponível como controlador ou analisador para ser implementado em situações de processo.
  • É capaz de fazer uma medição de amostragem em menos de um segundo.

2.2 – Desvantagens do Condutivímetro Digital Portátil

  • Não é possível distinguir entre diferentes tipos de íons.
  • Os medidores de condutividade são dependentes da temperatura; Assim, a condutância aumenta aproximadamente 2% por °C.
  • Não mede o número de íons em uma solução diretamente.